16 de Abril de 2009

A Magia de Unhais da Serra

É verdade, people. Foi já em Março, quase 1 mês atrás, que em Unhais da Serra se reuniram dos melhores mágicos que há em Portugal (claro que eu estava lá, né?... hummm... hmmm...), para comemorar o 20.º Encontro do Grupo Mágico de Sintra. Este grupo reune-se há 20 anos consecutivos, tendo alargado o seu âmbito para fora de Sintra, onde tudo começou (e daí o seu nome original), para outras regiões do país, predominantemente na região Centro. Assim, para 2009, a localidade eleita foi Unhais da Serra, mais concretamente o novo Hotel que ali foi inaugurado na passagem de ano 2008 - 2009.
O hotel é fantástico, adequado ao grandioso evento que foi este Encontro. A começar pelo nome, bastante original e muito... químico, associando a sua categoria de Hotel com a sua instalação em zona de águas termais (H20). Daí o nome: H20TEL... Adorei!



Eis-me junto à entrada do Hotel, numa justa homenagem à originalidade do seu nome. Marcante...


Mas não era apenas pelo nome que este hotel se tornava marcante. Senão, reparem na magnificência da sua zona de lazer: spa's, piscinas de interior e exterior, hidromassagem, zona de massagem... enfim, grandioso!



Imagem da área que confere o H2O ao H(2)otel...

A entrada do hotel, com um dos casais que (também) ali conferiu bastante glamour ao evento... (hmmm! hmmmm!...)


Mas o evento era o 20.º Encontro do GMS, pelo que houve distribuição de camisolas alusivas ao tema. E ainda por cima eram verdes...

O sábado decorreu com muitos trabalhos e apresentações de diferentes artistas, com temas que haviam sido escolhidos no ano anterior, explicando técnicas, mostrando teorias, revivendo o passado... Até tivemos o privilégio de ver imagens do Rovit com cabelo!... No final do dia, já depois de algum tempo passado na área da H2O (quem quiz, claro; nós optámos por ir dar uma volta por Unhais...), foi tempo de nos reunirmos no salão de jantar, onde o ambiente era todo ele alusivo à nossa presença - a MAGIA!


Imagem geral do salão, onde se reuniram artistas, mágicos e público "normal" (sim, porque nós, os mágicos, não somos normais!)


O Helder sempre descontraído, com as suas inseparáveis companheiras que o tornaram Campeão Mundial na FISM de 2006, em Estocolmo - as cartas! (ver publicação neste mesmo blog, de Agosto 2006. FMJ sempre em cima do acontecimento!)


Mas festa não é festa, mesmo que mágica, sem que esteja presente o santo nectar da uva... e mais um brinde da dupla-maravilha!

Ah! Mas ainda não havia feito referência a mais uma dupla-maravilha que também nos acompanhou nesta viagem pelo mundo da magia - a Raquel Nery e a sua mãe, "mãe da Raquel". Encontrámo-nos na sexta ao final do dia em Anadia, onde nos juntámos no nosso magnífico FOFOCUS e lá rumámos todos juntos até Unhais, nas faldas da Serra da Estrela. E se a Raquel ali foi pela magia, já a sua mãe foi reviver os bons velhos tempos em que para ali ia usufruir das termas. E foi para ela uma grata surpresa ver que ainda a reconheceram na velha pensão onde costumava ficar, mais de 12 anos passados sem ali voltar. Só mesmo nos ares puros da serra!
Mas adelante! A noite foi evoluindo com o jantar e muito vinho, mas o que mais se aguardava era a... magia! E ela aconteceu! Pela "mão" da Franscisca Marques Vidal, entraram em acção os artistas actuantes.


O mote foi mesmo dado pela mãe da Raquel, que rapidamente assumiu o seu ar de "Miss Cabaret" com a cartola mágica, o (fake) charuto do David Sousa e um (verdadeiro) copo de vinho!


Claro que a minha maridona também lhe seguiu o exemplo, apenas substituindo o (fake) charuto por um bonito sorriso...


As honras de abertura do espectáculo coube ao nosso David Sousa, vice-campeão mundial na FISM 2006 (sim, já sei que sabiam, pois foram ler a publicação de Agosto de 2006!) que, mais uma vez, nos encantou com o seu charme e a sua versão cómica do mágico em duplo (ele por trás de um elemento do público leigo). Aliás, fica aqui um pequeno excerto em filme da sua actuação.

video

Pelo palco desfilaram ainda dois consagrados artistas espanhois, Toni Cachadiña e António Ferragut, cujas actuações a todos (também) encantaram. Mas o encerramento e a justa homenagem final foi para o Helder Guimarães, que apresentou o efeito do "voo" das cartas invisíveis de um copo para outro, nas mãos de dois convidados.


Ah! Não digam! Reconheceram um desses convidados, foi? Aquele que está vestido com camisa preta?? E quem é ele, tão bonito?


No final regressaram todos ao palco, para os aplausos de encerramento de uma noite muito mágica...

O dia seguinte foi de despedida, com a promessa de voltar! Nos aguardem...

1 Comments:

Anonymous Chris Magic said...

Olá Philmont
O teu blog está espectacular.
continua sempre assim.
Um abraço e até ao MagicValongo
Chris

27 Agosto, 2009  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home